Posts tagged ‘peixes e frutos do mar’

Dicas de Alimentação na Páscoa

A Páscoa, para muitos, é sinônimo de refeições fartas e chocolates durante todo o feriado. No entanto, com algumas cenouradicas e cuidados podemos manter a alimentação saudável durante essa data comemorativa.

Nesse período temos o hábito de consumir frutos do mar e esse pode ser o início do consumo regular desse tipo de alimento saudável.

Os peixes e os subprodutos marinhos estão entre os principais alimentos funcionais, especialmente por serem fontes de ômega-3. Os ácidos graxos ômega-3 são encontrados respectivamente nos vegetais (soja, canola e linhaça) e em peixes de águas frias e profundas (cavala, sardinha, atum, salmão, truta, cascudo, arenque).

Estudos sugerem que a ingestão regular de ômega-3 na dieta promove redução dos triglicérides, podendo ainda exercer outros efeitos cardiovasculares (redução da viscosidade do sangue, maior relaxamento do músculo cardíaco e também efeitos anti-arrítmicos). A Associação Dietética Americana (ADA) recomenda a ingestão de 180 g ou mais de peixes ricos em ômega-3 por semana e a Sociedade Brasileira de Cardiologia aprova a utilização de ácidos graxos ômega-3 como terapia adjuvante no tratamento da hipertrigliceridemia (aumento dos triglicérides no sangue).

Dicas e sugestões:
1) Evite: preparações com molhos ricos em gordura e calorias (creme de leite, molho branco, molho de queijo) e alimentos fritos.
2) A bacalhoada é rica em calorias (170 kcal = porção média). Se for consumir, controle a quantidade ingerida.
3) Acompanhamentos: legumes frescos ou cozidos no vapor, arroz integral ou parboilizado, purê de cenoura, chuchu, mandioca ou batata, massa integral com molho de tomate, saladas e frutas.
4) Temperos: ervas e temperos naturais como manjericão, alecrim, orégano, tomilho, açafrão, pimenta, azeite extra-virgem, salsa, cebolinha, limão, laranja.

Já o alimento mais consumido por adultos e crianças durante a páscoa é o chocolate. No entanto, ele não precisa ser o vilão se for bem escolhido e consumido com moderação.

ovo de páscoaO chocolate amargo é a melhor opção entre os inúmeros tipos oferecidos no mercado e é considerado um alimento funcional devido a presença do cacau em sua composição. Os componentes encontrados no cacau, os flavonóides, atuam como antioxidantes, aumentam o HDL (colesterol “bom”), diminuem a oxidação do LDL (colesterol “ruim”), reduzem agregação das plaquetas. Além disso, atuam também na diminuição da pressão arterial, prevenindo, portanto, as doenças cardiovasculares. Lembrando que, as crianças e adolescentes também já estão apresentando fatores de risco para desenvolvimento de problemas cardíacos.

Dica: Na hora de consumir o chocolate quebre-o em pedaços pequenos e guarde em potinhos, evitando assim atacar o chocolate inteiro e de uma só vez.

Pensando nas tradicionais comemorações em família, durante a Semana Santa, a ANVISA publicou algumas dicas para facilitar a escolha dos alimentos mais consumidos nesta época: acesse o site.

Anúncios

15 de abril de 2014 at 15:15 Deixe um comentário


Páginas

setembro 2017
D S T Q Q S S
« set    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930